CUIDADOS E ORIENTAÇÕES APÓS A DOAÇÃO DE SANGUE

Caro doador, agradecemos pela sua doação. Com ela você ajudou a salvar vidas. É importante que você leia atentamente os seguintes pontos sobre os cuidados que se deve ter após a doação de sangue. Caso tenha alguma dúvida, ligue para algum dos seguintes telefones: 

(31) 3335 6600 / 3295 4584 / 98466 3672

1 - Aumente a ingestão de líquidos nas 24 horas subsequentes à doação, para adequada reposição do volume retirado durante a coleta do sangue.

 

2 - Caso sinta mal-estar, tontura, suor frio e sensação de desmaio, sente-se (com a cabeça entre os joelhos)  ou deite-se imediatamente (de preferência com as pernas elevadas) até o mal-estar passar. Mantenha a calma e respire de forma lenta e profunda. Peça ajuda a alguém que esteja por perto.

 

3 - Mantenha o curativo no local da punção pela agulha por, no mínimo, 5 horas. Se voltar a sangrar, pressione o local suavemente por 2 a 5 minutos e troque o curativo. Caso surja hematoma no local, aplique compressas de gelo por 20 minutos, uma ou mais vezes, nas primeiras 24 horas. Nas 24 horas seguintes, podem ser aplicadas compressas mornas, também por 20 minutos, uma ou mais vezes, para acelerar o desaparecimento do hematoma.

 

4 - Aguarde, no mínimo, 1 hora para conduzir automóveis ou motocicletas em percursos curtos e 2 horas no caso de viagens. Pare o veículo imediatamente se ocorrer mal-estar durante o transporte.

 

5 - Aguarde, no mínimo, 2 horas antes de fumar cigarros ou quaisquer outros produtos fumígenos, e evite a ingestão de bebidas alcoólicas no dia da doação.

 

6 - Não realize qualquer esforço físico nas 12 horas subsequentes à doação (andar de bicicleta, carregar peso com o braço utilizado para doação, praticar esportes, fazer faxina doméstica, lavar roupas a mão etc.).

 

7 - Comunique ao banco de sangue caso:

  • você apresente, no braço em que foi realizada a coleta de sangue: palidez, inchaço, dor, desconforto ou dormência.

  • você apresente qualquer sinal ou sintoma de processo infeccioso, como febre ou diarreia, ou tenha tido o diagnóstico de alguma doença infectocontagiosa até 7 dias após a doação.

  • você tenha obtido o diagnóstico de malária até 30 dias após a doação.

  • você acredite que haja alguma razão pela qual o seu sangue não deva ser utilizado para transfusão em um paciente e você não pôde ou não quis dizer isso durante a doação. O descarte será feito de maneira totalmente confidencial.

Os candidatos à doação de sangue que exerçam ocupações, "hobbies" ou esportes que ofereçam riscos para si ou para terceiros somente poderão doar caso possam interromper tais atividades pelo período mínimo de 12 horas após a doação, em razão da possibilidade de ocorrência de reações adversas após a coleta.

  • Pilotagem de avião ou helicóptero = 24 horas sem realizar a atividade

  • Condução de veículos de grande porte, como ônibus, caminhões e trens = 12 horas sem realizar a atividade

  • Operação de maquinário de alto risco, como na indústria e construção civil = 12 horas sem realizar a atividade

  • Trabalho em altura, em andaimes (pintores, bombeiros) = 24 horas sem realizar a atividade

  • Prática de paraquedismo, de mergulho ou de atividades esportivas em ritmo de competição (ciclismo, natação, alpinismo, artes marciais, futebol, basquete, vôlei, corrida, esportes automobilísticos) = 24 horas sem realizar a atividade

ATENÇÃO

  • Grey Facebook Icon
  • Grey Instagram Icon

Vita Hemoterapia